Bíblia do Caminho Antigo Testamento

Gênesis    † 

(Vulgatæ Editionis)

CAPÍTULO 29

(Versículos e sumário)

29 Partido pois daquele lugar, chegou Jacob à terra do Oriente.

2 E viu no campo um poço, e descansando ao pé dele três rebanhos de ovelhas; porque dele é que se dava de beber aos rebanhos; e o bocal do poço estava tapado com uma grande pedra.

3 E o costume era não tirar a pedra, senão depois de terem chegado todos os rebanhos; e depois que eles tinham bebido, torná-la a pôr sobre o bocal do poço.

4 Disse pois Jacob aos pastores: Irmãos, d’onde sois vós? Responderam eles: Somos de Haran.

5 Perguntou-lhes Jacob: Conheceis vós porventura a Labão, filho de Naccor? Disseram eles: Conhecemos.

6 Está ele bom? ajuntou Jacob. Está bom, responderam; e eis ali vem vindo Rachel sua filha com o seu rebanho.

7 Continuou Jacob: Ainda é muito dia, e ainda não é tempo de se recolherem os rebanhos aos currais; dai primeiro de beber às ovelhas, e depois tornai-as a levar ao pasto.

8 Não o podemos fazer, responderam eles, menos que não estejam juntos todos os rebanhos, e que não tiremos a pedra da boca do poço, para lhes darmos de beber a todos juntos.

9 Ainda eles estavam falando, eis que chegou Rachel com as ovelhas de seu pai; porque ela era a que pastoreava o seu rebanho.

10 Jacob tanto que a viu, como quem sabia que ela era sua prima com irmã, e que as ovelhas eram de Labão seu tio, tirou a pedra que tapava o poço;

11 E depois de ter dado de beber ao seu rebanho, beijou a Rachel, e levantando a voz chorou,

12 E lhe manifestou, que era irmão de seu pai, e filho de Rebeca; e ala correndo foi noticiá-lo a seu pai,

13 O qual tendo ouvido, que era chegado Jacob, filho de sua irmã, correu a encontrar-se com ele; abraçou-o, beijou-o muitas vezes, e levou-o a sua casa; e depois que soube dele os motivos da sua jornada.

14 Lhe disse : Tu és osso do meu osso, e carne da minha carne. E passado que foi um mês,

15 Disse Labão a Jacob: Acaso, porque tu és meu irmão, deves tu servir-me de graça? Dize-me pois que paga queres.

16 Ora Labão tinha duas filhas, das quais a mais velha se chamava Lia, e a mais moça Rachel.

17 Mas Lia tinha os olhos remelosos, ao mesmo tempo que Rachel era formosa de rosto, e de gentil presença.

18 Jacob como lhe tinha amor, disse a Labão: Eu te servirei sete anos por ter a Rachel, tua filha mais moça.

19 Respondeu-lhe Labão: Melhor é que eu ta dê a ti, do que a outro homem; fica comigo.

20 Jacob pois o serviu por causa de Rachel sete anos, e estes lhe pareciam poucos dias pela grandeza do amor que lhe tinha.

21 Depois disse Jacob a Labão: Dá-me minha mulher, pois que já o tempo está completo, para eu entrar a ela.

22 Então fez Labão as bodas, tendo convidado para o banquete o seus amigos, que eram em grande numero;

23 E à noite introduziu a Lia sua filha na câmara de Jacob,

24 Dando à filha uma escrava por nome Zelfa. Jacob tendo entrado segundo o costume à que Labão lhe dera, viu pela manhã que era Lia.

25 E disse a Labão seu sogro: Que é isto que tu me quiseste fazer? Porventura não te servi eu por amor de Rachel? Porque razão me enganaste?

26 Labão lhe respondeu: No nosso lugar não é costume casarem-se as mais moças primeiro, que as mais velhas.

27 Acaba a semana da boda com esta, e depois dar-te-ei também essa outra, pelo trabalho de outros sete anos, que ainda me servirás.

28 Acomodou-se Jacob ao que ele queria, e passada a semana, casou com Rachel.

29 A qual tinha dado seu pai uma escreva, chamada Bala.

30 E Jacob tendo enfim alcançado por esposa a que desejava, a preferiu à mais velha no amor, que lhe tinha, e continuou em servir a Labão outros sete anos.

31 Mas o Senhor vendo que Jacob desprezava Lia, fez fecunda a esta, ao mesmo tempo que Rachel permanecia estéril.

32 Concebeu pois Lia, e pariu um filho, a quem chamou Ruben, dizendo: O Senhor olhou para a minha humilhação ; agora me amará meu marido.

33 Tendo outra vez concebido, pariu um filho, e disse: Porque o Senhor viu que eu era tratada com desprezo, ele me deu também este; e pôs-lhe o nome de Simeão.

34 Concebeu, e pariu terceiro filho, e disse: Agora se unirá ainda mais meu marido a mim, porque lhe dei três filhos; e por isso chamou a este Levi.

35 Concebeu Lia quarta vez, e pariu um filho, a quem pôs o nome de Judá, dizendo: Agora louvarei eu o Senhor; e cessou de parir.



Há imagens desse capítulo, visualizadas através do Google - Pesquisa de livros, nas seguintes bíblias: Padre Antonio Pereira de Figueiredo edição de 1828 | Padre João Ferreira A. d’Almeida, edição de 1850 | A bíblia em francês de Isaac-Louis Le Maistre de Sacy, da qual se serviu Allan Kardec na Codificação. Veja também: A versão Corrigida e revisada, fiel de Almeida; A Hebrew - English Bible — JPS 1917 Edition; La Bible bilingue Hébreu - Français — “Bible du Rabbinat”, selon le texte original de 1899; Parallel Hebrew Old Testament by John Hurt — Estudo do Velho Testamento com Haroldo Dutra Dias


.

Abrir