Bíblia do Caminho Antigo Testamento

Gênesis    † 

(Vulgatæ Editionis)

CAPÍTULO 47

(Versículos e sumário)

47 Entrando pois José deu por notícia a Faraó, dizendo: Meu pai e meus irmãos, com as suas ovelhas e rebanhos, e tudo o que possuem, vieram da terra de Canaã, e eis aqui estão no terra de Gessen.

2 Apresentou também diante do rei cinco varões os últimos de seus irmãos.

3 Aos quais ele perguntou: Que ocupação tendes? Eles lhe responderam: Os teus servos, somos pastores de ovelhas, assim nós, como nossos pais.

4 Nós viemos habitar peregrinos na tua terra, porque, crescendo a fome na terra de Canaã, não há erva para os rebanhos dos teus servos; e suplicamos-te que hajas por bem que nós teus servos habitemos na terra de Gessen.

5 Disse pois o rei a José: Teu pai e teus irmãos vieram ter contigo.

6 Tu tens à tua vista a terra do Egito; faze-os habitar no melhor lugar, e entrega-lhes a terra de Gessen. E se tu sabes que há entre eles homens industriosos, dá-lhes a intendência dos meus rebanhos.

7 Depois disto introduziu José seu pai ao rei, e lho apresentou, o qual abençoando-o,

8 E sendo perguntado pelo rei: Quantos anos tinha de idade?

9 Respondeu: Os dias de minha peregrinação são cento e trinta anos, poucos e trabalhosos; e não chegaram aos dias de peregrinação de meus pais.

10 E abençoado o rei, saiu para fora.

11 José porém deu a seu pai e a seus irmãos a possessão do país de Ramesses, o melhor lugar do Egito, como Faraó lhe tinha ordenado.

12 E os sustentava e a toda a caso de seu pai, dando a cada um deles o seu sustento.

13 Porque em todo o mundo faltava pão e a fome afligia toda a terra; muito principalmente o Egito e o país de Canaã.

14 José ajuntou todo o dinheiro recebido destes povos pela venda do trigo, e o meteu no erário do rei.

15 E faltando o dinheiro aos compradores, veio todo o Egito ter com José, dizendo: Dá-nos pão. Por que razão morreremos nós na tua presença, por falta de dinheiro?

16 José lhes respondeu: Trazei os vossos gados, e eu vos darei por eles de comer, se não tendes dinheiro.

17 E tendo-os trazido, lhes deu alimentos a troco de cavalos e ovelhas, de bois e jumentos, e os sustentou aquele ano pela troca dos gados.

18 Vieram também no segundo ano, e lhe disseram: Não encobriremos ao nosso senhor, que faltando o dinheiro, nos faltaram juntamente os gados; nem tu ignoras, que não temos mais nada, à exceção dos nossos corpos e da nossa terra.

19 Porque morreremos logo à tua vista? assim nós como a nossa terra seremos teus; compra-nos para escravos do rei, e dá nos sementes, para que a terra não se torne em charneca, perecendo quem a cultive.

20 Portanto comprou José todas as terras do Egito, vendendo cada um deles as suas possessões por causa da extrema fome. E fez a Faraó senhor dela,

21 Com todos os seus povos, desde uma extremidade do Egito até à outra;

22 Exceto somente a terra dos Sacerdotes, que lhes tinha sido dada pelo rei, porque a estes se davam os viveres determinados dos celeiros públicos e por isso não se viram precisados a vender as suas possessões.

23 Depois disto disse José ao povo: Bem vedes que vós e vossas terras sois de Faraó; tomai sementes, e semeai os campos.

24 Para poderdes colher frutos. Dareis ao rei a quinta parte, e eu vos deixo as outras quatro para semente, e para sustento das vossas famílias e filhos.

25 Os quais responderem: A nossa conservação está na tua mão; atenda-nos ao menos nosso senhor, e alegres serviremos ao rei.

26 Desde aquele tempo até ao dia de hoje se paga em todo o Egito aos reis a quinta parte; e  isto como que passou em lei, exceto a terra dos Sacerdotes, que ficou isenta desta condição.

27 Habitou pois Israel no Egito, isto é, na terra de Gessen, e a possuiu; e ele se aumentou, e se multiplicou extraordinariamente.

28 E viveu nela dezessete anos; e todo o tempo da sua vida foram cento e quarenta e sete anos.

29 E como visse que se vinha chegando o dia da sua morte, chamou a seu filho José, e lhe disse: Se eu achei graça diante de ti, põe a tua mão por baixo da minha coxa; e te compadecerás de mim, prometendo-me com verdade, que me no hás de sepultar no Egito;

30 mas que eu hei de descansar com meus pais, e que tirando-me desta terra me hás de sepultar no jazigo de meus antepassados. Ao qual respondeu José: Eu farei o que me mandaste.

31 Pois jura-mo, disse Jacob. E ao tempo que José lhe jurava adorou Israel a Deus, voltado para para a cabeceira do leito.



Há imagens desse capítulo, visualizadas através do Google - Pesquisa de livros, nas seguintes bíblias: Padre Antonio Pereira de Figueiredo edição de 1828 | Padre João Ferreira A. d’Almeida, edição de 1850 | A bíblia em francês de Isaac-Louis Le Maistre de Sacy, da qual se serviu Allan Kardec na Codificação. Veja também: A versão Corrigida e revisada, fiel de Almeida; A Hebrew - English Bible — JPS 1917 Edition; La Bible bilingue Hébreu - Français — “Bible du Rabbinat”, selon le texte original de 1899; Parallel Hebrew Old Testament by John Hurt — Estudo do Velho Testamento com Haroldo Dutra Dias


.

Abrir