Bíblia do CaminhoTestamento Xavieriano

Índice Página inicial Próximo Capítulo

Chico Xavier: O Primeiro Livro — Autores diversos

Parte II — Chico Xavier: Versos por ele mesmo

2


As rosas do perdão

  1 Ó flores aurorais de pétalas divinas,

  Sois lágrimas de luz das claras madrugadas,

  Sois raios de esplendor das noites estreladas

  Sois flores divinais, ó rosas peregrinas!


  2 Brotais no coração das almas desgraçadas,

  Como a linfa do amor, em gotas cristalinas;

  Que perfume lirial, em ondas diamantinas,

  Expulsando o amargor das almas torturadas!


  3 Ó rosas do perdão, nascestes com Jesus,

  No martírio sem par da tragédia da cruz,

  E desde esse momento, ó majestoso dia!


  4 Espalhaste pelo mundo em rápido fulgor,

  A beleza da vida e o perfume do amor

  Qual um sol portentoso, espalhaste alegria!


.Francisco Xavier



Essa mensagem foi publicada também em 1970 pelo IDE e é parte da 19ª lição do livro “Presença de Chico Xavier


Citação parcial para estudo, de acordo com o artigo 46, item III, da Lei de Direitos Autorais.

.

Abrir