Bíblia do CaminhoTestamento Xavieriano

Índice Página inicial Próximo Capítulo

Chico Xavier: O Primeiro Livro — Autores diversos

Parte II — Chico Xavier: Versos por ele mesmo

12


Senhora da amargura

  1 Mãe das Dores, Senhora da Amargura,

  Eu vos contemplo o peito lacerado

  Pelas mágoas do filho muito amado,

  Nas estradas da vida ingrata e dura.


  2 Existe em vosso olhar tanta ternura,

  Tanto afeto e amor divinizado,

  Que o do vosso semblante torturado

  Irradia-se a luz formosa e pura;


  3 Luz que ilumina a senda mais trevosa,

  Excelsa luz, sublime e esplendorosa

  Que clareia e conduz, ampara e guia.


  4 Senhora, vossas lágrimas tão belas

  Assemelham-se a fúlgidas estrelas:

  Gotas de luz nas trevas da agonia. n


.Francisco Xavier

.Auta de Souza



[1] Esta mensagem foi também publicada pelo IDE e é a 1ª lição do livro “Auta de Souza


Citação parcial para estudo, de acordo com o artigo 46, item III, da Lei de Direitos Autorais.

.

Abrir